O Papel de Coaching na Autorrenovação da Organização

O sucesso e a sustentabilidade de uma empresa é resultado da sua renovação contínua e da sua agilidade. O sucesso da empresa depende da sua competência e capacidade não só de responder rapidamente a mudanças ocorridas no meio-ambiente como também de criar mudanças.

A organização para manter-se competitiva, melhorar continuamente sua produtividade e atuação, e vencer no mundo dos negócios, necessita estar em contínua evolução e transformação. Para a empresa poder evoluir e se transformar as pessoas da organização precisam continuamente evoluir e se transformar. As organizações somente crescem se as pessoas crescem. As organizações somente se transformam se as pessoas se transformam.

Pensar e fazer o que sempre se pensou e fez em um mundo em constante mutação e inexorável evolução conduz inevitavelmente a empresa ao seu declínio e encerramento. Para manter a competitividade organizacional é necessário que a Equipe Diretiva (O Diretor-Presidente e seus colaboradores/subordinados diretos) esteja imbuída do espírito de autorrenovação, disposição para se transformar e aprender continuamente e buscar continuamente melhorar a sua atuação e desempenho.

As mudanças na tecnologia, na economia, no processo da globalização e o aumento da competição ocorridas nas duas últimas décadas provocaram nas empresas o achatamento da estrutura organizacional, a eliminação dos níveis intermediários, e o enxugamento do quadro de pessoas. Isto criou três novos desafios: (1) necessidade de desenvolvimento de liderança estratégica; (2) criação de equipes de alto desempenho; (3) necessidade de aprendizagem e desenvolvimento contínuo tanto no campo individual, como no campo de equipes e organizacional.

1. Necessidade de Liderança Estratégica:

Liderança Estratégica é a capacidade de a alta direção da empresa prover visão e inspiração aos seus liderados, alinhar e mobilizar as pessoas em torno de metas comuns, e desenvolver forte comprometimento à ação e determinação. Liderança Estratégica provê direção, apoio, capacitação e poder (autonomia e autoridade) às pessoas fazer as coisas acontecer. Liderança Estratégica capacita as pessoas a fazer as coisas certas e de maneira certa assegurando o funcionamento, a prosperidade e a renovação da empresa.

 

Para exercer a Liderança Estratégica a Alta Direção necessita de três requisitos:

(a) ajustar os objetivos, competências, recursos e capacidades da empresa às forças externas do meio-ambiente;

(b) desenvolver e implementar uma estratégia organizacional que garanta à empresa uma vantagem diferencial competitiva no mercado;

(c) tornar a empresa responsiva a mudanças, fazê-la criar mudanças, e torná-la autorrenovável.

A Liderança Estratégica tem plena consciência de que uma empresa para poder funcionar eficazmente, prosperar, competir, e se autorrenovar e desenvolver continuamente precisa cuidar não apenas dos negócios mas também cuidar da aprendizagem e desenvolvimento contínuo dos seus colaboradores e também precisa cuidar dos relacionamentos: relacionamento entre chefes e subordinados; relacionamento entre funcionários e seu trabalho/atribuições; relacionamento entre os próprios funcionários e colaboradores entre si; relacionamento entre os dirigentes/líderes da empresa e os seus diversos grupos de interesse (stakeholders).
 

2. Necessidade de Criação de Equipes de Alto Desempenho:

Pessoas ilhadas, trabalhando isoladamente, cada um por si, sem uma direção comum, sem coordenação de esforços e sem compartilhamento de informações e conhecimento não agregam valor à empresa nem a levam ao melhor aproveitamento do seu potencial de realização.

É o exercício da Liderança Estratégica que transforma um grupo de trabalho em uma Equipe de Trabalho de Alto Desempenho, fazendo com que:

  • as pessoas trabalhem de forma integrada e coordenada entre si;
  • cada membro da equipe compreenda claramente o que se espera dele e qual deve ser o seu papel e contribuição em termos de trabalho em equipe;
  • os membros da equipe tenham uma boa comunicação e compartilhamento de informações e conhecimento entre si;
  • as pessoas se ajudem mutuamente;
  • as pessoas desenvolvam forte espírito de equipe e que cada membro da equipe se sinta responsável pelo resultado coletivo.

A Liderança Estratégica provê aos membros da organização uma forte visão compartilhada e um sentimento de orgulho e satisfação naquilo que fazem. Ela encoraja cada membro da equipe a assumir maiores responsabilidades e maior iniciativa tanto no seu trabalho individual como no seu trabalho em equipe; ela estimula cada indivíduo na organização a se superar e desenvolver continuamente suas capacidades e habilidades.
 

3. Necessidade de Aprendizagem e Desenvolvimento Contínuo no campo individual, de equipe e organizacional:

No início deste artigo lembramos que a empresa somente evolui e se transforma e se torna autorrenovável se as pessoas da organização evoluem e se transformam. Uma organização autorrenovável é uma organização cujos membros continuamente criam, obtém, transferem e partilham conhecimento, e modificam seu comportamento e ações como resultante do seu novo conhecimento e compreensão adquiridos.

A empresa para estar continuamente se renovando deve estar disposta e determinada a continuamente aprender. Ela utiliza a aprendizagem para atingir as suas metas e a responder apropriadamente às mudanças do meio-ambiente.
 

O Papel de Coaching na Autorrenovação da Organização

É aqui que entra o papel de Coaching na autorrenovação da organização: prover o desenvolvimento individual relacionado aos objetivos organizacionais. A criação e desenvolvimento de Liderança Estratégica e de Equipes de Alto Desempenho necessitam de um programa de desenvolvimento contínuo, relacionado ao seu ambiente de negócios e trabalho, e específico aos seus desafios e metas.

O objetivo de Coaching é estimular o processo de mudanças cognitivas, emocionais e comportamentais que facilitem o atingimento de objetivos e a melhoria de desempenho no campo individual, de equipe e organizacional.

Coaching é um processo que ajuda uma pessoa a desvendar, desbloquear e utilizar melhor o seu potencial para maximizar o seu desempenho, ajudando a pessoa a aprender através da reflexão sobre sua experiência e sobre seu comportamento.

O desenvolvimento da habilidade de pensar e refletir sobre seus próprios pensamentos, sentimentos e comportamento é essencial na aquisição de novas competências, visões, perspectivas e na ampliação da compreensão e capacidade de julgamento.

Coaching é uma relação de ajuda e apoio à exploração de oportunidades e resolução de desafios que é dado tanto no campo individual, de equipe e de organização. Coaching ajuda os líderes a aprender e a se desenvolver e ajuda os líderes a ajudar os seus liderados a aprender e a se desenvolver. Coaching melhora o desempenho individual no trabalho, e melhora as aptidões de relacionamento interpessoal e de comunicação. Coaching facilita a aquisição de novos conceitos, técnicas, processos e ferramentas de trabalho e sua efetiva aplicação.

As mudanças profundas e duradouras na empresa somente ocorrem quando o processo de aprendizagem caminha paralelamente ao processo de trabalho do dia a dia. O objetivo de desenvolvimento de líderes e de equipes, em última instância, envolve ação, não conhecimento. Ou mais precisamente, o programa de desenvolvimento de líderes e de equipes de alto desempenho objetiva atualizar o conhecimento, e transformá-lo em ação.

A empresa que continuamente está se renovando está sempre disposta e determinada a continuamente aprender. Ela utiliza a aprendizagem como um processo que facilita e ajuda a atingir as suas metas. Ela promove o questionamento e o diálogo, dando segurança e autoconfiança às pessoas partilharem abertamente suas ideias e opiniões, a atuarem e assumirem riscos. A empresa autorrenovável está continuamente consciente das interações que ocorrem entre ela e o seu meio-ambiente, e responde apropriadamente às mudanças que ocorrem no meio-ambiente. Ela envolve todo o quadro de colaboradores na identificação e solução de problemas e desafios a resolver, e capacita toda a organização a continuamente experimentar, mudar e melhorar, e assim aumenta sua capacidade de crescer, aprender e realizar seu propósito.

A empresa que continuamente está se renovando compreende que cada experiência é uma oportunidade de aprendizagem, e que a experiência apenas se torna aprendizagem quando se faz uma avaliação retrospectiva e uma reflexão crítica sobre esta experiência e dela se extraem lições, significados e implicações e quando destas lições extraídas resultam mudanças positivas. A empresa autorrenovável também tem em mente que a aprendizagem deve ser contínua e é mais efetiva e valiosa quando partilhada.

Este ambiente organizacional adequado e o processo de aprendizagem na ação e com a ação (foco no trabalho, nas soluções e tarefas reais do dia a dia) propiciam criar um senso de propósito comum, clarificar papéis, desenvolver competências, melhorar a comunicação e relacionamento, valorizar e praticar a aprendizagem compartilhada, valorizar e praticar a cooperação e o trabalho em equipe.

Através do processo de Coaching, os Líderes e Equipes solucionam suas questões reais (desafios, problemas, projetos ou tarefas), e simultaneamente aprendem, melhoram o seu desempenho e produtividade, e se desenvolvem. Com isto a empresa obtém soluções e resultados no presente e a garantia da sua sustentação e efetividade no futuro.

Autor e Fonte:

Boris R. Drizin, Diretor da TIMING DESENVOLVIMENTO EMPRESARIAL
Mestre e Doutor em Administração pela EAESP/FGV
http://www.timingdesenvolvimento.com.br/site/category/publicacoes/artigos/todos-artigos/